Surfcraft diaries

Já tava tudo acertado pra comprarmos a long board do Felix. Quando eu ia pagar por ela ele me disse que tinha desistido de vender e ia deixar como a “prancha da casa”, pra todos que quiserem usar. É bom, porque todo mundo usa e até já deram umas batidas nela. Se fosse minha eu ia ficar de cara de a galera levar assim, meio sem noção. Mas fiquei triste. Enfim, vou ver se a gente acha uma no Gumtree.

Hoje fui surfar com o Felix e o Iain. Consegui pegar umas ondas e ficar de joelho. O mar tava bem bom pra mim, porque tinha uns bancos de areia e as ondas quebradas duravam bastante, o que é importante pra dar tempo de levantar e tals. Um tiozinho veio me dar conselhos e me explicar como colocar os pés na prancha pra eu conseguir ficar de pé, muito massa. E eu quase consegui. Coloquei os dois pés na prancha algumas vezes, mas sempre muito pra trás, então ela escapa pra frente antes de eu levantar o corpo.

Depois de duas horas tentado, eu tava exausta, morrendo de fome e sede e achei que não ia conseguir mais do que aquilo mesmo. Talvez mais tarde a gente vá outra vez. Hoje foi realmente divertido. Tomei cada tombo… É legal que eu meio que perdi o medo de cair. Sempre achei que caindo a gente se embolava com a prancha e inevitavelmente levava na cabeça, mas não me aconteceu isso nenhuma vez. A prancha vai embora com a onda. Se o Egs se pilhar, vamos juntos quando ele voltar do trabalho. Ah, a Austrália é o canal!

Explore posts in the same categories: especial Oz Land - a vida como ela é

5 Comentários em “Surfcraft diaries”

  1. EGS Says:

    Sei como é: e depois que tu consegues levantar a primeira vez,só vai. Mas nem precisei ir até a Austrália, para todas essas emoções………..
    Beijos Nara

  2. foi mau Says:

    Minhas grandes emoções eram no mar de Capão. Nada parecido com computador…………

  3. Anônimo Says:

    Escrevi foi mau, e quis arrumar, mas não sei como. Então cada vez foi ficando pior

  4. ale Says:

    hehehe
    Minha mãe, eu te amo!!!

  5. Jousi Says:

    hahahahahaha, que afu. agora senti firmeza na austrália. flore e entra de novo pra falarmos. aquele dia eu estava compromissada e atrasada. saudades imensas, beijoss


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s


%d blogueiros gostam disto: